Resenha - Filme e Livro: Um Homem de Sorte - Nicholas Sparks



Autor: Nicholas Sparks
Editora: Nova Conceito
Número de Páginas: 349
Avaliação: ★★★★★
Ótimo - se pudesse o lia de novo, tipo, agora.



Sinopse


“Mas não estava em outra época e lugar, e nada daquilo era normal. Trazia a fotografa dela consigo há mais de cinco anos. Atravessou o país por ela.” “Era estranho pensar nas reviravoltas que a vida de um homem pode dar. Até um ano atrás, Thibault teria pulado de alegria diante da oportunidade de passar um fm de semana ao lado de Amy e suas amigas. Provavelmente, era exatamente isso de que precisava, mas quando elas o deixaram na entrada da cidade de Hampton, com o calor da tarde de agosto em seu ápice, ele acenou para elas, sentindo-se estranhamente aliviado. Colocar uma carapuça de normalidade havia-o deixado exausto. Depois de sair do Colorado, há cinco meses, ele não havia passado mais do que algumas horas sozinho com alguém por livre e espontânea vontade. (...) Imaginava ter caminhado mais de 30 quilômetros por dia, embora não tivesse feito um registro formal do tempo e das distâncias percorridas. Esse não era o objetivo da viagem. Imaginava que algumas pessoas acreditavam que ele viajava para esquecer as lembranças do mundo que havia deixado para trás, o que dava à viagem uma conotação poética. prazer de caminhar. Estavam todos errados. Ele gostava de caminhar e tinha um destino para chegar."


Primeiramente, eu admito que não sou muito fã dos livros do Nicholas Sparks. Não que ele não escreva bem, ele é um gênio quando se trata de romances calmos e fofos, mas seu gênero não faz muito meu estilo. Felizmente, minha mãe é super fã dele, são poucos livros que ela não leu, ou seja tenho várias obras dele, que mesmo não sendo um meus favoritos, eu leio. "Um Homem de Sorte" foi meu segundo dele, me surpreendeu mais do que eu esperava, principalmente, porque eu esperei terminar a leitura para assistir o filme.


Logan Thibault é um ex-fuzileiro que durante a guerra no Vietnã encontrou a fotografia de uma moça na meio do nada, ao voltar para seu alojamento (aonde estava enquanto a guerra) ele coloca a foto no mural, mas após várias semanas, ninguém aparece, então (sem nenhum motivo aparente) ele coloca a foto no bolso e daí pra frente sua vida muda. Sempre alguém morre, sempre alguém se machuca, mas não Thibault, sua sorte é assustadora. Algum tempo depois, quando volta para casa (sem nenhum arranhão) ele decide atravessar o país e ir atrás da moça usando a paisagem da foto para localiza-lá. Ele só queria agradecê-lá, mas acontece bem mais que isso.
Como esperado, Nicholas escreveu um livro calmo, romântico e que sempre te trás um esperança em encontrar o príncipe/princesa encanto(a). O livro tem um ótimo ritmo e um final de tirar o fôlego. O autor tem uma pequena fixação com soldados e coisas do exército, mas isso me agrada, então, não há nada do que reclamar em seu livro.
Como eu sempre digo quando se trata dele "Um livro perfeito para se ler no pôr do sol, deitado em uma rede."



Trailer do Filme:




Direção:
Scott Hicks
Elenco:
Zac Efron, Taylor Schilling, Blythe Danner, Jay R. Ferguson, Riley Thomas Stewart, Joe Chrest, Adam LeFevre, Courtney J. Clark
Nome Original:
The Lucky One
Site Oficial:
Visite
Duração:
101 minutos
Ano:
2011


Avaliação

Uma das melhores coisas das adaptações dos livro do Nicholas Sparks é que os filmes realmente são parecidos com os livros (pelo menos a maioria). Seus filmes sempre tem a participação de atores famosos e incríveis. Dessa vez vemos Zac Efron, que provou que seu talento vai muito além de High School Musical, eu realmente estou gostando dele como ator. Enfim, o livro e o filme são super parecidos, é claro que no final há sempre umas modificações, mas nada grave o suficiente para fazer o filme merecer menos de 5 estrelas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário