Resenha: O Silêncio dos Inocentes (1991)


Clarice Starling (Jodie Foster), agente novata do FBI, procura por um assassino que ataca mulheres jovens e depois retira suas peles. Para construir o perfil psicológico deste psicopata, recorre à ajuda de um assassino preso que agia de forma semelhante. É o dr. Hannibal Lecter (Anthony Hopkins), um psiquiatra canibal. Lecter, de fato, pode ajudar na investigação, mas quer em troca um local mais confortável para ficar preso. E quer também se aproximar da durona Clarice, para que ela fale de seus traumas e revele seu lado vulnerável. A história mescla o horror dos crimes bárbaros com o horror psicológico que Lecter faz emergir.

Diretor: Jonathan Demme
Duração: 118 minutos
Gênero: Suspense

Trailer:


Avaliação:

Desde criança queria ver esse filme por causa do medo que minha mãe colocava em mim. Claro que na época dela, não haviam muitos filmes de suspense bons, e ela se assustava (e ainda se assusta) muito fácil. E quando finalmente assisti, não me arrependi, me apaixonei pelo Hannibal. Pode ser até meio estranho dizer isso, mas ele é tão charmoso, que você torce para ele comer quantas pessoas ele quiser (no bom sentido, se é que é bom). É um filme clássico de uma policial que precisa resolver um mistério, e precisa da ajuda de Hannibal para desvendá-lo. E, não sei se é impressão minha, mas até que rolou um clima entre os personagens, ou de repente é só o charme de Lecter mesmo. Recomendo pra você que gosta de suspense e mistério (:

Você já assistiu?
O que achou?
Conte para nós (:
Beijos,
Ananda

2 comentários:

  1. Eu adoro Hannibal. Para mim é dos melhores filmes de suspense de todos os tempos. É uma trilogia: Silêncio dos Inocentes, Hannibal e Dragão Vermelho.
    Depois outro filme ótimo de suspense é "O sexto sentido", mas desse sou igual a tua mãe: tenho maior medo...rsrsrs

    ResponderExcluir
  2. achei o livro um dia desses pra vender nas americanas... quase comprei, to só terminando de ler O lado bom da vida, e estou pensando seriamente em adquirir O silêncio dos inocentes :)

    ResponderExcluir